MENSAGEM DE LÍDER LOCAL DO SACERDÓCIO

    Sintonize-se com o Espírito 

    Satellite Dish Installation

    'Há um '... verdadeiro Deus e Jesus Cristo ...' cuja doutrina, quando seguida com pleno propósito de coração, nos dará paz nesta vida e vida eterna na vida vindoura.'

    Na minha profissão, estou envolvido na venda – e às vezes na instalação – de antenas parabólicas para que as residências possam assistir vários canais de televisão da emissora de sua escolha. Isso leva um pouco de conhecimento da indústria e habilidade para instalar o equipamento. Deixe-me explicar como isso acontece com uma explicação menos técnica.

    Como não podemos ver fisicamente a olho nu o satélite em órbita da Terra, alinhar perfeitamente a parabólica com o satélite pode parecer impossível. É preciso ter um conhecimento básico de que existe um satélite estacionado em órbita, em um local específico, ter a antena parabólica correta e ter as ferramentas de instalação corretas para instalar corretamente o equipamento. Todas essas componentes são necessárias para receber o sinal correto do satélite certo.

    Como existem literalmente centenas de satélites em órbita, apontar a parabólica para o satélite certo requer conhecimento e habilidade. A antena parabólica deve estar perfeitamente alinhada com o satélite em órbita para receber a máxima intensidade e qualidade do sinal. Caso contrário, o espectador não poderá receber os canais de televisão desejados que a emissora envia para o satélite. Isso leva algum movimento preciso da parabólica da esquerda para a direita e de cima para baixo. Para tornar esse processo mais eficaz e preciso, usamos um dispositivo chamado medidor de intensidade de campo de satélite.

    Este instrumento, quando usado corretamente, e ao ajustar a antena parabólica em direção ao satélite desejado, indicará se a intensidade do nosso sinal está a aumentar ou diminuir. Quanto mais alinhamos a parabólica corretamente ao satélite, mais aumenta a intensidade e a qualidade do sinal até obtermos o que é chamado de “o ponto ideal”. Isso significa que alcançamos a máxima qualidade de sinal e intensidade que o transponder de satélite tem a oferecer.

    Quando a intensidade do sinal é forte, evita a perda de sinal durante o mau tempo. Mas quando uma antena parabólica não está alinhada corretamente – e as chuvas fortes e tempestades vêm – a intensidade do sinal diminui, e perdemos nosso sinal do satélite em órbita.

    Às vezes, a antena parabólica pode ser instalada com perfeição – com perfeita intensidade e qualidade de sinal – mas o instalador pode não conseguir segurá-la com firmeza. Então, quando ventos fortes sopram, a parabólica pode mudar alguns graus do “ponto ideal” e, novamente, o sinal perde-se.

    Esse processo pode ser comparado à nossa fé no Pai Celestial e em Jesus Cristo. Porque não podemos vê-los com os nossos olhos naturais, a menos que sejam “vivificados pelo Espírito” (D&C 67:11), há muitos que como Corior no Livro de Mórmon, afirmam que o homem não pode saber de coisas que não pode ver. Por isso, a fé é o princípio fundamental para obtermos conhecimento de sua existência. Alma ensina que “… se tendes fé, tendes esperança nas coisas que se não veem e que são verdadeiras” (Alma 32:21).

    Embora existam centenas de satélites em órbita, apenas um nos dará o sinal necessário para assistir aos canais de televisão corretos, que procuramos. Semilarmente, existe um “… Deus verdadeiro e Jesus Cristo…” (João 17:3) cuja doutrina, quando seguida com pleno propósito de coração, nos dará paz nesta vida e vida eterna na vida vindoura.

    Em um sentido espiritual, ganhar um aumento na intensidade do sinal em um medidor de intensidade de campo é como aumentar a nossa fé no Pai Celestial e em nosso Salvador, Jesus Cristo.

    Obter um conhecimento mais firme da sua existência requer um estudo das escrituras, com foco no Livro de Mórmon. Quando feito com sinceridade e fervorosamente, podemos então receber um testemunho falado por Morôni – quando ele exortou a todos “... a buscar Jesus aquele sobre quem os profetas e apóstolos escreveram, que a graça de Deus Pai e também do Senhor Jesus Cristo e o Espírito Santo, que dá testemunho deles, podem permanecer em vós eternamente ”(Éter 12:41, grifo do autor).

    Uma vez que recebemos esse testemunho do Espírito Santo, precisamos constantemente nutri-lo a fim de aumentar a nossa fé no Pai Celestial e em Jesus Cristo. Assim como a intensidade e a qualidade do sinal é vital ao instalar uma antena parabólica, quando nos alinhamos com a vontade do Pai e de Jesus Cristo e aplicamos a verdadeira doutrina em nossas vidas, nossa força e fé espiritual aumentam.

    Tal como ajustar a antena parabólica da esquerda para a direita e para cima e para baixo para encontrar o “ponto ideal”, precisamos “ajustar” nossas vidas para experimentar esse aumento de fé. Isso significa aprender a despir-se do homem natural colocando “de lado todos os pecados que facilmente vos envolvem” (Alma 7:15) e permitir que a expiação de Cristo tenha efeito em nossas vidas. Quanto mais aplicarmos isso, mais a nossa fé aumentará.

    Quando o nosso foco não é aplicado nisto, podemos nos tornar como uma antena parabólica que – quando não protegida adequadamente – pode facilmente mudar o seu alinhamento com o mau tempo e perder o sinal. Ou no sentido espiritual, perdemos nossa fé. Ou podemos assegurar-nos, aumentando constantemente a nossa fé e aplicando o conselho que Helamã deu a seus filhos Néfi e Leí: “… que é sobre a rocha de nosso Redentor, que é Cristo, o Filho de Deus, que deveis contruir os vossos alicerces; para que quando o diabo lançar a fúria de seus ventos, sim, seus dardos no torvelinho, sim, quando todo o seu granizo e violenta tempestade vos açoitarem, isso não tenha poder para vos arrastar ao abismo da miséria e angustia sem fim, por causa da rocha sobre a qual estais edificados, que é um alicerce seguro; e se os homens edificarem sobre esse alicerce, não cairão.” (Helamã 5:12).

    Que oportunidade maravilhosa tivemos com uma das metas do Plano da Área de 2018 de “Aumentar a Fé no Pai Celestial e Seu Filho Jesus Cristo e Sua Expiação”, fazendo o seguinte:

    1. Melhorar a observância do Dia do Senhor no lar e na igreja.

    2. Todos os membros obterem dignamente uma recomendação para o templo e participarem do trabalho do templo.

    3. Ler o Livro de Mórmon diariamente.

    Testifico que, ao nos alinharmos a esses objetivos com pleno propósito de coração, experimentaremos essa fé crescente. Nossas vidas serão repletas de alegria que o evangelho tem a oferecer. Seremos capazes de suportar com paciência nossas aflições e suportar nossas provações sabendo que o Senhor está do nosso lado. Ao aplicar essas metas com mais seriedade em minha vida em 2018, senti um aumento do Espírito e uma determinação maior de lembrar e guardar os convênios que fiz. Senti que aproximei-me do Pai Celestial e do Salvador e fui abençoado temporariamente e espiritualmente por causa disso.

    Que nos esforcemos constantemente para aumentar a nossa fé e nos tornarmos verdadeiros discípulos do Senhor, Jesus Cristo, aplicando a verdadeira doutrina. Ao fazer isso, estabeleceremos o evangelho de Jesus Cristo em nossos corações e em nosso lar.